Hora 7 Passageira desesperada para fumar durante voo tira a roupa e morde aeromoça

Passageira desesperada para fumar durante voo tira a roupa e morde aeromoça

Além de gritar com passageiros e tripulantes, a mulher mordeu uma aeromoça que tentava impedi-la de continuar a confusão

  • Hora 7 | Do R7

Resumindo a Notícia
  • Uma passageira ficou desesperada para fumar durante um voo.

  • Ela acabou tirando a roupa da parte superior do corpo.

  • A mulher, embriagada, gritou com os passageiros e tripulantes.

  • Enquanto era detida, a passageira mordeu uma aeromoça.

Segundo relatos, a mulher parecia estar embriagada durante a confusão

Segundo relatos, a mulher parecia estar embriagada durante a confusão

Reprodução/Via Daily Mail

Uma passageira tirou a parte de cima da roupa durante um voo na Rússia, enquanto exigia fumar e entrar na cabine do avião. A situação complicada aconteceu a 10 mil metros do chão, enquanto passageiros e tripulantes tentavam acalmá-la.

Anzhelika Moskvitina levantou do assento em direção ao banheiro, onde acendeu um cigarro, o que é extremamente proibido em aeronaves. Segundo os relatos, ela tirou as roupas que cobriam a parte superior do corpo e passou a gritar que todos estariam condenados aos outros passageiros.

Um vídeo gravado durante a confusão mostra a mulher, suspeita de estar embriagada, sem roupas e discutindo com os tripulantes. "Senhora, sente-se e vista-se. Onde estão suas roupas? Você entende que está violando as regras de comportamento no avião? Há crianças aqui. Respeite-as, pelo menos", falou uma pessoa da equipe.

"Eu respeito as crianças. Além do mais, adoro crianças. Eu entendo que vou para um hospital psiquiátrico ou para uma prisão. Mas eu quero ir para a cabine", respondeu a mulher de 49 anos.

Moskvitina pedia que a deixassem em paz e reafirmava que queria fumar: "Mate-me aqui, mas vou fumar", disse ela. Uma das aeromoças que tentaram deter a mulher foi mordida e acabou precisando ser atendida por um médico.

Depois de algum tempo, as autoridades do voo conseguiram algemá-la e a deixaram sob os cuidados de um médico. Quando o avião pousou no aeroporto, a agressora foi detida pela polícia.

CONFIRA TAMBÉM: Fotos estranhas finalmente revelam como leões viajam de avião

Últimas