Hora 7 Orelha mutilada, tiros e invasão de propriedade: ataque de macaco vira caso de polícia

Orelha mutilada, tiros e invasão de propriedade: ataque de macaco vira caso de polícia

Vítima relaxava na grama de casa, nos EUA, quando o símio invadiu a área e a agrediu violentamente, antes de ser morto a tiros

  • Hora 7 | Do R7

Resumindo a Notícia
  • Um macaco invadiu uma propriedade e agrediu violentamente uma mulher nos EUA.

  • O símio arrancou fios de cabelo e mutilou uma orelha da vítima.

  • O animal fugiu, mas acabou localizado e morto a tiros.

  • A vítima se recupera no hospital e foi vacinada contra raiva.

O agressor e a vítima

O agressor e a vítima

Reprodução/Vídeo/KXII

O ataque violento de um macaco virou caso de polícia nos Estados Unidos. Segundo Brittany Parker, a vítima, o animal invadiu o jardim da casa dela e quase arrancou sua orelha durante a briga.

No dia 14, Brittany estava em um momento de relaxamento na casa dela, em Dickson, em Oklahoma, quando um macaco subiu na varanda e arrancou parte da maçaneta da porta para tentar entrar na residência. Foi demais para ela, que chamou a polícia.

Assim que os policiais chegaram, o macaco parou de se comportar de forma violenta, e a dona da residência baixou a guarda. Foi o erro que ela cometeu.

"Ele rastejou pelas minhas costas, arrancou várias mechas de cabelo e depois rasgou minha orelha ao meio. E estava apenas pendurado", disse Brittany, em entrevista ao site KXII.

Após quase arrancar a orelha de Britanny, o macaco — cujo dono não foi identificado pela imprensa — fugiu para uma área de mato próxima.

Mas, após várias horas, o agressor foi localizado e acabou morto a tiros por um amigo de Brittany.

Após a briga, a vítima se recupera no hospital e recebeu uma vacina contra raiva. O caso segue sob investigação da polícia.

LEIA ABAIXO: Macacos sequestram bebê de 4 meses e o jogam do telhado de prédio de três andares

Últimas