Hora 7 'Falsa criança' acusada de tentar matar família adotiva conta sua versão da história

'Falsa criança' acusada de tentar matar família adotiva conta sua versão da história

Natalia Grace foi adotada em 2010, mas casal afirma que ela é uma adulta sociopata com inclinações homicidas

  • Hora 7 | Do R7

A estranhíssima história de Natalia Grace acaba de ganhar um novo episódio. Em 2010, Michael Barnett e sua esposa, Kristine, dos Estados Unidos, adotaram Natalia achando que se tratava de uma órfã ucraniana de 6 anos com uma rara doença genética.

Mas eles descobriram posteriormente que a menina é uma adulta com aparência de criança. Para piorar, segundo os pais adotivos, Natalia é uma "sociopata com inclinações homicidas", pois já tentou matá-los e aos outros filhos do casal com uma faca.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto

O caso se arrasta há anos: em 2012, os Barnett alteraram o ano de nascimento de Natalia de 2003 para 1989, e logo depois a mudaram para outra casa.

Quantos anos ela tem? Até o momento, ninguém tem certeza

Quantos anos ela tem? Até o momento, ninguém tem certeza

Reprodução/YouTube/Investigation Discovery

Um novo documentário, que tentará desvendar todos os detalhes do caso, fez uma acareação entre Natalia e Michael.

No programa Natalia Speaks (Natalia Fala, em tradução literal), a acusada de tentativa de homicídio rejeitou as insinuações, enquanto Michael disse que "sabe perfeitamente o que viu".

"Eu nunca entrei no quarto de vocês com uma faca", disse ela em um momento da gravação, o que já dá uma mostra da tensão em família.

O documentário com todas as possíveis revelações só será exibido a partir de janeiro, em seis partes. Até o momento, o caso se encerrou com os Barnett mantendo as acusações, antes de abandonarem Natalia e se mudarem para o Canadá.

O dois foram absolvidos de acusações individuais de negligência infantil em processo aberto pela nova mãe adotiva de Natalia, Cynthia Mans, também ouvida pelo programa.

As crianças que na verdade são adultas e até viram caso de polícia

Últimas