Hora 7 Agora vai? Equipe de entusiastas se prepara para maior busca ao Monstro do Lago Ness em 50 anos

Agora vai? Equipe de entusiastas se prepara para maior busca ao Monstro do Lago Ness em 50 anos

Grupo de voluntários usará equipamentos de alta tecnologia por dois dias para tentar localizar a criatura

  • Hora 7 | Do R7

Resumindo a Notícia
  • Um grupo de voluntários se reunirá para tentar encontrar o monstro do lago Ness.

  • A criatura folclórica é tema de discussões e avistamentos há quase cem anos.

  • A equipe usará drones, câmeras infravermelhas e sonares na caçada.

  • A busca durará um fim de semana inteiro.

Uma das lendas mais investigadas do mundo ganhará um novo capítulo em breve. Um grupo de entusiastas reuniu tecnologia de ponta para tentar responder a questão: o monstro do lago Ness existe?

A expedição é organizada pelo Loch Ness Centre e contará com voluntários de todo o mundo. Para tentar encontrar a besta folclórica que supostamente habita o lago escocês que dá nome à ela, a equipe utilizará drones, câmeras infravermelhas, equipamentos acústicos e embarcações.

Imagem do monstro do lago Ness se revelou farsa

Imagem do monstro do lago Ness se revelou farsa

REPRODUÇÃO/MIRROR

A busca, considerada a maior em 50 anos, ocorrerá no próximo fim de semana e durará dois dias, de acordo com o jornal The Guardian. O grupo também contará a ajuda de pessoas que analisarão dados remotamente, em vários lugares ao redor do mundo.

"Sempre foi nosso objetivo registrar, estudar e analisar todos os tipos de fenômenos naturais, comportamentos e eventos que podem ser mais difíceis de explicar", declarou Alan McKenna, integrante do Loch Centre, em entrevista ao The Guardian.

Será o fim do mistério?

A lenda moderna em torno do monstro do lago Ness começou em 2 de maio de 1933, quando o jornal The Inverness Courier publicou uma reportagem sobre uma "besta", ou "peixe similar a uma baleia", vista no lago — que se estende por cerca de 37 km, tem profundidade máxima de 226 m e está localizado nas chamadas Terras Altas da Escócia, no Reino Unido.

Em algumas reportagens depois, o termo "monstro" foi oficializado, e desde então muita gente afirma ter visto ou captado sinais ou ruídos considerados anormais.

Em 1934, o cirurgião R. Kenneth Wilson vendeu ao jornal Daily Mail a mais famosa foto da tal criatura, mas a imagem se revelou uma farsa, parte de um plano para enganar o jornal.

Nova foto reforça teoria de o monstro do lago Ness ser uma enguia gigante

Últimas